curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda

curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda

curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda

curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda

curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda
curso de paramotor em bh, escola de parapente em bh, parapente bh, curso de parapente em bh, voo duplo de parapente em bh, voo duplo de parapente na serra da moeda, voo duplo de parapente no topo do mundo, voo duplo de parapente em brumadinho, parapente topo do mundo, parapente serra da moeda

Compre já

Curso de parapente: R$ 6,500,00.  Pode ser parcelado. no curso de parapente, o aluno se inscreve na: CBVL e no clube CVLBH e federação mineira de vôo livre sendo que todos estes três serão pagas suas anuidades enquanto o piloto estiver ingressado no esporte.

Após estes cadastros e respectivos pagamentos de filiação , assina o contrato com a escola, sendo que após estas etapas, começamos nossas aulas. No início de tudo, os treinos são realizados numa área plana, onde não tem risco do aluno sair voando. antes de aprender o básico que seria : conhecer todo equipamento, linhas, tirantes, asa , bordo de ataque,bordo de fuga ,intra dorso,extra dorso,batoques,células,selete,mosquetões,estribo,reserva etc.

O piloto aprende, a inflar e comandar a sua asa no chão, fazendo movimento de comando junto com a asa, além de aprender : controlar avanços, colapsos , recuo da asa fazendo a mesma voltar pra sua cabeça. comando de direita e esquerda, acompanhando a asa e manter a mesma inflada sobre a cabeça, andando pra esquerda e direita, pra frente e pra trás. quando preciso pra manter a mesma inflada. No curso básico, é incluso: 3 vôos duplos com instrutor , como forma de ampliar conhecimento. O piloto recebe o material didático do curso, que envolve livro e apostilas. ao final de dois meses de treino antes de voar na rampa, o piloto passa por treinamento teórico mínimo de 10 horas, dentro de sala de aula com instrutor, antes de fazer sua prova de teste final. sendo aprovado na prova teórica, estará pronto pra começar seus vôos de serra ou decolando da rampa, como nós chamamos nossas decolagens que pode ser de: serra ou montanhas, dependendo da região onde o curso é ministrado.no caso de belo horizonte, temos serras, ou seja, serra da moeda.

Indo voar na rampa, o piloto passa pelo seu primeiro voo, sendo monitorado via rádio, aluno e instrutores. que ficam: um na decolagem e outro no pouso nos primeiros vôos, garantido a segurança do aluno em todo vôo . o piloto para se formar, terá que ter no mínimo de: 20 a 40 vôos, monitorados pelo instrutor da escola, sendo estes vôos uma aprendizagem de: manobras básicas e vôos de lift e térmicas; condizendo com horários adequados para alunos em instrução. Respeitando horários e condições meteorológicas, que o instrutor avalia visando a segurança do aluno em instrução, devendo o mesmo respeitar seu instrutor em suas decisões. o aluno caso não se sinta pronto pra voar em certas condições, pode o mesmo decidir por não fazer; e esperar um momento em que se sinta mais preparado para seus vôos.

Buscando mais conhecimento e treinamento, para isto,no nosso esporte conhecimento ,significa sinônimo de segurança. após 6 meses de curso o aluno passando por todo processo de instrução será habilitado como piloto nível 1, devendo o mesmo, seguir as prerrogativas da cbvl, para voar dentro de seu nível técnico. suas mudanças de nível se fará pela norma regulamentar da cbvl, devendo o mesmo tomar conhecimento de tudo, junto com a escola se precisar, e por interesse próprio. afim de seguir com suas novas homologações, a escola oferece cursos de piloto nível 2, e nível 3 .

Após isto, será pelos instrutores homologadores de nível 4, nível 4: vôo duplo e nível instrutor, que pode dar aulas. sendo este níveis avaliados com todos os requisitos completados e certificados e aprovados pela diretoria técnica da CBVL.